outubro 11, 2009

Prima.

Ela é linda. Tem um dos rostos mais bonitos que já vi, um sorriso lindo um bom gosto que não tem tamanho. Acho que é até maior que a sua teimosia. Briguenta, topetuda, encrenqueira, defende até a morte as coisas em que acredita e, principalmente, aqueles que ama. Acho que é capaz de dar a vida por qualquer um deles.

Não me lembro de ter tido alguma briga com ela durante todos o tempo que passamos juntos. Até hoje passamos. É claro que não concordo com alguns posicionamentos que o coração radical dela às vezes toma, mas ela também não deve concordar com alguns dos meus. Não concordo, mas respeito. E acho até graça das suas confusões. É uma das poucas pessoas no mundo que eu confio DE VERDADE. Seria uma das pessoas a quem eu confiaria as minhas filhas se eu não tivesse presente.

Ela tem as suas loucuras, mas quem não tem? Acho que a diferença dela é que ela fala mesmo. Tudo o que lhe vem à cabeça. Certo ou errado, tradicional ou totalmente exótico. Ela assume o que faz e até mesmo o que não faz. Ela assume tudo aquilo que passa pela sua cabeça, tudo aquilo que quase todo mundo pensa (ou faz) mas tem vergonha de dizer. Apesar das suas "maluquices" ( e que ela sabe exatamente o que eu considero "maluquice") eu a admiro muito.

Ciumenta como uma escopiniana, mãezona como uma canceriana, a frente do seu tempo como uma aquariana, senso estético apurado como uma leonina, mais criativa do que todos os signos do zodíaco juntos. Mas ela é capricorniana.

E é a madrinha da minha filha mais velha. Agora, ela vai ter o filho dela, e eu nunca seria capaz de fazer por ela tudo o que ela fez por mim na gravidez e depois dela. E continua fazendo. Gi, não se preocupe. Estamos todos com você e por você. Tenho certeza de que você será a melhor mãe do mundo. Aliás, você já é uma mãe maravilhosa, há quase oito anos.

13 comentários:

Giorgia Vasconcellos disse...

Mais uma vez li seu texto chorando.

Chorando de alegria, por ter vc perto de mim, por saber que vc confiaria nossas meninas a mim, por ter vc sempre por perto, dividindo os memonetos de alegria e tristeza.

Agora, vou precisar de vc mais perto ainda, pra vc me ensiar a ser uma mãe tão maravilhosa quanto vc.

Seus textos são sempre gostosos, delicados, sinceros... poucas pessoas sabem usar as palavras tão bem quanto vc.

Te amo muito prima, amiga, comadre, irmã.

Beijos,

Gi

Rute disse...

Parabéns pela postagem, passando por aqui para conhecer seu blog
beijinhos
www.rute-rute.blogspot.com

Nina disse...

Gi, tem medo nao viu?? vc vai adorar as confusoes que seu (sua) pequeno (a) vai aprontar :)

tudo de bom na gravidez e que tudo de certo! Nao ha nada mais lindo do que ser mae...

Inês disse...

Ai, que texto mais carinhoso!
Parabéns por este espaço iluminado!
Um abraço da nova seguidora.
Inês.

Luma Rosa disse...

Renata, parabéns pela linda amizade! Como mãe sei que é difícil confiarmos plenamente em alguém para cuidar de nossos filhos e, que sortuda você é! Ou melhor, as duas, são duas sortudas!! (rs*) Boa semana! Beijus

Cromossomosxx disse...

nossa que blog lindo!!!
Adorei!
Já estou seguindo!!!

Bjos!
Mari

Bel disse...

O amor sempre se derrama. Lindo esse teu presente para a Gi.
Que amor bonito se pode construir nessa vida, né?
Sei bem como é ser madrinha.
Sei que a Gi já fez o curso superior ... agora virá uma pós que realimentará as fontes.
Parabéns as co-madres. Bem-vindo (a)!
Um beijo para as duas,
Bel.

Mari disse...

Oi Rê, seja bem vinda ao Blog! fiquei muito feliz com o recadinho!

Cara de alface é uma otima, né!! qdo você não sabe o que dizer faça! kkkkkkkk

Passe lá quando quiser!
Bjos!!!

Renata Nogueira disse...

Renata, é muito bom termos alguém assim em nossas vidas, né?
Beijão

Lúcia disse...

Que linda homenagem! Admiro pessoas com personalidade como a dela! Bjins

Elaine disse...

Renata,
Dediquei um selo a você. Está neste link: http://elainegaspareto.blogspot.com/2009/10/selos-para-alegrar-o-dia-novidade.html
Espero que goste pois é de todo coração. Mas fique à vontade para recusar.
Beijos.

Elaine Barnes disse...

Vim agradecer a visita tão carinhosa. Passarei com mais tempo pra ver o que há com meu pc"lentium e velho". As letras ficaram pequenas demais e não enxerguei nadinha.Vi pelos comentários que o texto é lindo e falaram de criança. Vou ser avó pela primeira vez no início de novembro. Bem, amanhã volto aqui. bjão

Elaine Barnes disse...

Oie Voltei! Realmente as letras são pequenas,mas, aqui nos comentários cliquei no post e ficou maior. Li tudinho!LInda homenagem a amiga e madrinha. Prefiro gente assim, de confiança, que posso contar a qualquer momento, que fala o que pensa pra mim. tenho amigas assim de 30 anos de amizade. Falamos tudo! Amamos os filhos e agora nossos netos. É mais até do que consaguíneos. rs.. Parabéns! Amei seu cantinho. bjão e grata pela visita