agosto 09, 2009

Pai.

Ele era lindo. E cheiroso. E usava pullovers de linha azul marinho com gola V. Calmo, paciente. Flamenguista roxo. Gostava de carro novo. Em sua mesa, na empresa aonde trabalhava, tinha dois porta-retratos, iguais e cheios de quadradinhos. Um era dourado, com a minha foto. O outro, prateado com a foto do meu irmão. Ele construiu uma capelinha de São Francisco de Assis no pátio da empresa, com um laguinho artificial pequenino em volta e peixinhos. Jogava vídeo-game como ninguém. Durante o tempo em que ficou em casa, já doente, batia todos os recordes do River-Raid, Atari.

Nunca o vi brigando. Nunca o vi chorando. Nunca o vi com raiva. Talvez porque ele era mesmo perfeito, talvez porque não tenha dado tempo para conhecer os seus defeitos. O maior pecado que já o vi cometer era o de fumar alguns cigarros Charm por dia. Mas...Era o início dos anos 80, era quase impossível que fosse diferente.

Jogava baralho. E ganhava todas. Também gostava de "Bocha" ou "Bola de Pau". E cantava sempre para mim: "ô, coisinha tão bonitinha do pai..." . A ùltima vez que o vi, já no hospital, ele nos deu, a mim e ao meu irmão, um bombom Serenata.

E eu sinto falta. Muita. Não sei se passo um dia da minha vida sem lembrar que ele esteve comigo por oito anos. Mas deixou muita coisa boa para lembrar. A tristeza de não poder falar "Pai" é engolida pela alegria de ter tido um pai tão maravilhoso. Ele não viu a minha formatura, o meu casamento, o nascimento das minhas filhas. Ou, talvez, tenha participado de tudo isso mais do que qualquer outra pessoa.

Não sei, mas tenho a impressão de que, por tudo isso, hoje, meu choro pareça mais de alegria do que de tristeza...




Essa ilustração linda foi a Nina que fez, lá no blog dela que é uma delícia de ler e de ver. Tomei emprestada, Nina, você deixa?

8 comentários:

Eneida disse...

Que lindo texto!
Que Deus abençoe os pais e seus filhos!
Beijo!

Nina disse...

Fico sempre feliz qd um filho fala de seu pai nos blogs, acho tão bonito, é tudo sempre tao delicado,sincero. Às vezes eu fico esperando qd alguém vai finalmente falar de seu pai ou mae, porque ele só da indícios de que teve ou tem um pai ou mae especiais, mas nao tem mt ânimo ou coragem, ou delicadeza pra falar desse tema, tao forte, às vezes, e ai, qd essa pessoa fala, puxa, parece coisa mágica. Eu gosto tanto :)

já conhecia o teu pai só de ouvir vc falar de tua mae, engracado ne? qd escrevemos juntas a historinha da medalha. Eu desenhei ele com tanto gosto :)
Achei a fofura das fofuras,ele dar pra vcs um chocolate no hospital...

sabe, na sabado, dia 08, seria o aniversario do meu pai, mas ele nao está mais aqui, nessa terra.
agora,quem chora e sorri sou eu. tenho mt boas lembrancas e algumas ruinzinhas tbm, mas no fundo, tbm sou feliz por ter vivido tudo isso.

Um beijo querida Rê. No coracao ainda vivo, dentro de nós, dos nossos pais.

Joaninha Bacana disse...

Oito anos é um espaço tao curto pra curtir um pai, Rê :-( Mas que bom que as lembranças, ainda mais boas, ficaram!!!
Beijos, e boa semana pra voces,
Angie

Lily Zemuner disse...

Hmm, Rê, que lindo tudo oq vc escreveu. Me bateu uma vontadezinha de chorar, pq meu pai é, sem dúvida, o homem da minha vida, não sei oq seria de mim sem ele! Mas ó, tenha certeza, seu pai acompanhou tudo de perto, ele está sempre do seu lado.

B-jo enorme.

Nina disse...

Ahhhhhh que lindo o template!
Que lindo! Esse sim ficou a tua cara Rê.
Essa Grace nos prega cada susto maravihoso :)

Giorgia Vasconcellos disse...

VTNC....
Tô aqui aos prantos, lembrando do meu pai e o quanto as coisas seriam diferentes se os dois estivessem aqui juntos!!!!
Te amo Rê. E quando falo isso é BEM de verdade, do fundo do coração.

Stress Girl disse...

Emocionante.
Eu tive tempo pra conhecer os defeitos do meu pai. Ainda estou tendo. E cada vez que me chateio, me magôo, eu lembro dele na minha infância, quando ele era meu herói.
A gente acaba descobrindo que não há nada que possa ser feito para acabar com um amor tão genuíno.
Obrigada pelo texto.

Larissa disse...

Sua POIA! Tô aqui na rádio, no trabalho e querendo chorar! Vou pagar mico POR SUA CAUSA!
:-P