novembro 21, 2010

O Prato do Dia.

E não é que aos 35 anos (preciso acertar o perfil ali ao lado), com duas filhas, eu resolvi que era hora de aprender a comer? Achava que essa hora nunca fosse chegar, e continuava comendo biscoito recheado de chocolate no café da manhã, arroz branco, batata frita e bife muito bem passado no almoço e sanduíche ou pizza no jantar. Intervalos enormes entre uma refeição e outra e várias besteirinhas nesse meio-tempo. Pipoca, chocolate, coca-cola, salgadinho, brigadeiro, sorvete. Paladar infantil e alimentação de uma criança desregrada.

Há quem não acredite, mas experimentei uva, melão na última semana. Pêra e Kiwi estão na lista. Rúcula e alface crespa entraram pela primeira vez em minha boca na última sexta-feira. Há um mês atrás foi o momento das frutas secas, da granola e da linhaça no iogurte. Além de ter me reconciliado também recentemente com a maçã, a gelatina e a banana-prata.

Confesso que ainda não consegui abrir mão da Coca-cola Zero. Mas há quase um mês não como acúcar e nem alimentos embutidos, e todo pão e todo arroz é integral. Não, não é radicalismo forever ou moda passageira de algum guru maluco. É a vontade de mudar. De crescer, de fazer direito. Se vou conseguir? Não sei. Se vou continuar tentando? Sim. Mesmo. Não estou sozinha  - http://invencibilidade.blogspot.com/ - e estou gostando cada vez mais desse novo EU.

3 comentários:

Summer disse...

hauhauahuahauhuha, boa sorte. Eu tbm tento...e como tento!!! Mas nao resisto! Que graça teria a vida se não fossem as comidas mais saborosas e nada saudaveis de cada dia? rs... Se descobrir uma saída milagrosa me conta.... Beijos e parabéns pelo blog

Eneida disse...

Que legal!
Adoro coisas naturebas!
Faço uso constante de cereais e arroz integral, etc, adoro!
Que bom que você reapareceu!
Gosto tanto daqui, amiga!
Beijo!

Nina disse...

rsrs, sério que tu nao comia nada disso?? mas parece mesmo uma menininha... gente, adoro rucula, folhas, essas coisas todas. Mas olha, coca zero acho uóóó...
Boa sorte querida!

Rê, adorei saber da Nina Rosa,oohh gente, que amor :=)